Quarta-feira, 16 de Julho de 2008

PARA UM HOMEM ESPECIAL

 

 

   

      

     

    "O poeta é um fingidor.
    Finge tão completamente
    Que chega a fingir que é dor
    A dor que deveras sente.

    E os que lêem o que escreve,
    Na dor lida sentem bem,
    Não as duas que ele teve,
    Mas só a que eles não têm.

     

    E assim nas calhas de roda
    Gira, a entreter a razão,
    Esse comboio de corda
    Que se chama coração."

     

     

     

    Fernando Pessoa

 

 

publicado por silvia às 23:37
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De ricardo a 17 de Julho de 2008 às 17:19
Há Homens com muita sorte! Uma declaração assim não é para qualquer um. Muito amor existe aí. Tudo de bom para voçês. E para esse Homem especial, trata bem essa mulher que deve ser mais que especial.
De Maria a 18 de Julho de 2008 às 00:45
As estrelas sorriem neste Universo de amor.
Mesmo que não sejas poeta tens a poesia na alma Silvia
Beijinhos e um sorriso
Maria
De jpcfilho a 19 de Julho de 2008 às 17:21
Olá Silvia, realmente poeta é um fingidor e finge tão completamente.... Minha noooosa, o Pessoa neramolenão. E a tua página está linda.
beijos poéticos.
João Costa Filho
Espelhodesombras

Comentar post

.musica


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ...

. Introversão

. Primavera da vida

. Crianças

. Jovens

. Não sei quantas almas ten...

. Encontro de amor incondic...

. Dia mundial da criança

. Abertura do terceiro olho

. ERA UMA VEZ, NA LUZ DAS E...

.arquivos

. Julho 2010

. Abril 2010

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2006

.tags

. todas as tags

.links


Hospedagem de site
Hospedagem de site

.RECOMENDADOS